Forum teatro

auguste boal
Augusto Boal, criador do Teatro Fórum

Augusto Boal, brasileiro nascido 1931, dramaturgo, escritor, teórico e diretor criou esta técnica de TEATRO PARTICIPATIVO.
Ele desenvolveu o Teatro do Oprimido em resposta à repressão política da ditadura militar para informar e sensibilizar populações sujeitas a violência. Forçado a fugir do seu país em 1971, ele lançou o Teatro Fórum na França e outros países da América Latina.
O Teatro Fórum é chamado para ajudar uma consciencialização coletiva sobre as grandes questões sociais, tais como as dificuldades de imigração, diferenças entre homens e mulheres, assédio, desemprego, violência psicológica e física.
lunette clown
ClownWork, do Teatro do Sopro
Foto: Olivier Terreault

Em colaboração com o Teatro do Sopro, Recursimo introduziu o teatro fórum nas empresas para agilizar ao pensamento coletivo e a resolução dos temas-chave encontrados no dia a dia, como:
• Como gerenciar coletivamente o estresse?
• Como desenvolver uma cultura gerencial?
• Como aumentar o desempenho?
• Como trabalhar com populações de origens culturais diferentes?

OS ATORES DESEMPENHAM MINI PEÇAS DE TEATRO INSPIRADAS DOS PROBLEMAS:
couple clown clown couple
Olivier Terreault e Flavia Marco do Teatro do Sopro
Fotos: Marcela Marvel

Sentido e processo do Teatro
Incompreensões e conflitos parecem impossíveis para serem resolvidos, os espectadores falam dos diferentes aspectos do problema para achar a melhor solução possível.
Os atores exploram imediatamente a proposta.
Um facilitador conduz uma discussão coletiva entre os espectadores, que podem ATUAR as soluções encontradas.

O TEATRO É AÇÃO: o espectador é livre, age e pensa por si mesmo.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS
– Criar as condições de inteligência coletiva
– Pensar e trabalhar juntos na mesma direção para resolver
– Criar uma sensibilidade comum
– Alterar o seu olhar de uma situação por ouvir outras interpretações
– Mudar as atitudes por ver outras maneiras de fazer as coisas.

Uma metodologia adaptada ao intercultural por Recursimo e o Teatro do Sopro.